Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

28
Mai 09

Alegria quis ser saudade
E foi se distanciando dos olhares
Dos sorrisos feitos de abraços
Da amplitude das alegorias

Despediu-se das crianças
Da musica dos pingos da chuva
Do panorama das manhãs de sol
Da linguagem dos pássaros

Nem mesmo o despertar dos vinhos
Nem mesmo a flor dos carnavais
Nem mesmo os relâmpagos amorosos
    E os violões

Resgataram-lhe a inquietação da alma
A mágoa-dor existencial
A doce amizade da vida
A mágica

Foi andar de mãos dadas com os adeuses!

Tinha a palidez das coisas fugidias
O desesperado grito dos canhões
A vergonha dos famintos
 Os grilhões

Se não há falhas na memória
Fugiu dos sonhos dos enfermos
Do leito dos desencantados
Morreu na tarde dos ho
mens


 

publicado por SISTER às 13:24

Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

16

17
18
19
23

24
30



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO