Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

06
Abr 09

                  Quem saiba o que se passa no Zimbabué,
                  África Austral, não mais pode esconder,
                  na concha de suas mãos, a triste realidade,
                  de um país, onde a cegueira dos ricos,
                  insiste a tudo responder, com um simples
                  abandonar de braços.



                  A cada minuto, crianças inocentes, de
                  abdómen inchado, pernas e braços, em
                  pele e osso, morrem, nas poucas tendas de
                  campanha, da cruz vermelha ou dos
                  médicos sem fronteiras.



                  Na terra árida, sem água, tão pouco,
                  saneamento básico, vivendo entre poças infestadas
                  de mil doenças, putrificadas, algumas
                  crianças brincam, esperando pela morte, que,
                  virá reclamar, seus pequenos corpos, inermes.


                  
                  Por entre o mato seco e o sol impiedoso,
                  ecoa no ar, um grito de ajuda, que ninguém parece
                  escutar, ou, pior ainda, ignora por completo.



                  Precisamos ouvir, deste lado, o seu chamado,
                  por parte dos médicos zelosos, para que sejam
                  enviadas vitaminas e todo o tipo, de
                  medicamentos, tão necessários, num país,
                  de nome Zimbabué, medicamentos esses que
                  abundam, sobremaneira, no Ocidente.



                  E a comida e a água, tão precisas, assim como
                  a construção de casas habitáveis, seria algo a
                  que se devia pôr mão, enviando soldados,
                  pois que são treinados para isso. Levando consigo,
                  algo que não se pode esquecer e é muito
                  importante: esperança, alegria e carinho sem fim.



                  O Zimbabué está doente. Se nada fizermos, pois,
                  levaremos connosco, aqueles belos e redondos
                  olhos, de uma criança africana. E, os seus carrascos,
                  que descansem, que chegará a noite,
                  de todos os pesadelos e suores frios.




                

publicado por SISTER às 07:03

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9



30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO