Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

26
Mai 09

Quem observe esses frágeis seres que abrem seus olhinhos curiosos para o cenário do mundo, logo percebe como eles dependem dos adultos.

 

Bebês, pequeninos, com o aroma da inocência aureolando-lhes as ações, andam na terra em busca de carinho. Parecem avezitas implumes, tal sua delicadeza e fragilidade.

 

Às vezes, as vemos colocando suas mãozinhas nas pernas dos adultos, batendo de leve com seus dedinhos miúdos, erguendo os bracinhos a dizer sem palavras: "quero colo."

 

As crianças expressam assim seu desejo de serem carregadas. Desejo que é repelido com expressões grosseiras como: "não te pego no colo, não. Vai andar! Quis vir junto, pois agora ande. Do contrário, poderia ter ficado em casa."

 

Isso cai sobre a cabecinha da criança como uma bomba. Não percebem os que assim agem que o pequerrucho tem menos resistência, fatigando-o o esforço contínuo da caminhada.

 

Dirão que a criança pula, corre, e brinca o dia todo, que, se tem energia para brincadeira, também deverá ter para andar.

 

Ora, na brincadeira a criança está tendo a recompensa do prazer. Ela brinca até cansar e ao se sentir exausta, pára.

 

Já não nos demos conta como mesmo o bebê de poucos meses, parece por vezes "desligar"? É o período de calmaria, de repouso, que ele busca.

 

A caminhada contínua, onde não lhe é permitido parar para observar o cachorro que late, o brinquedo colorido na vitrine vistosa, o movimento das pessoas que circulam rápido, faz com que ela se canse com maior rapidez.

 

Sem se falar que, normalmente, os adultos esquecem que os pequenos estão juntos, e andam a passo acelerado, obrigando-os a quase correr para os acompanhar.

 

Outra situação que se repete com constância é a de crianças, no seu período de imitação, desejarem ser a cabeleireira da mãe.

 

Munidas de escova e pente, elas tentam criar o penteado que sua mente cataloga como maravilhoso. O que conseguem, em verdade, é despentear.

 

Mas elas insistem, põem a ponta da linguinha para fora da boca, demonstrando o esforço e alisam os cabelos com suas mãos. Satisfeitas, exclamam: "pronto."

 

Quantas vezes todo esse cuidado é repelido com as desculpas de "vai estragar o meu penteado." Ou "não tenho tempo para perder."

 

Atitudes repetidas desta natureza terminam por passar para a criança que o sofrimento do outro, como o seu cansaço, não importa. O lema é: "cada um por si."

 

Igualmente a ensinarão que carinho é perda de tempo e a aparência vale mais do que ele.

 

Não nos admiremos se, no futuro, nos depararmos com adolescentes frios e adultos indiferentes.

 

Pessoas que prezarão somente o seu bem-estar, seu conforto pessoal, não se importando com a família, amigos ou colegas.

 

Nas relações humanas, como tudo na vida, a questão é de aprendizado e de semeadura.

 

Você sabia?

 

Você sabia que até aos 7 anos de idade a criança é mais suscetível às mensagens que objetivam a educação?

 

E que a educação integral compreende, não somente o comportamento social, as boas maneiras, a conduta reta, mas também a questão afetiva, emocional e espiritual?

 

Assim, não desprezemos as carícias da criança. Dia virá, dobrados os anos, em que ansiaremos por quem se aproxime de nós, nos alise os poucos cabelos brancos.

 

Alguém que disponha de seu tempo para colocar sua cabeça junto à nossa e perguntar: "como vai minha velhinha, hoje?

 

Está cansada? Quer um carinho?

 

publicado por SISTER às 07:46

A magenta treme para a Lua
Quando a dona nua
Rebola ao redor do fogo
Vai logo abrindo o jogo.
De calor molhada
Dona da charada
Latejando
Continua sambando.
Serpenteando em torno do macho
Que adora servir de capacho.
Dança do ventre
Indecente
Consente
Ardente
Entre
Nos entremeios
Engole tudo
Nervudo.
Remexe
Bebe
O duro, maduro.
Babando
Estava o malandro.
Com a mansa quente
Desaguando.
Fazendo a serpente
Chacoalhar de tesão
O dono acabou com a bicha na mão.
Pura curtição.

publicado por SISTER às 07:44

Os ventos do medo sopraram ao meu redor...
As águas da minha tristeza
inundaram meu ser...
Por momentos de dor
esqueci quem realmente sou...
Desgarrei-me de um ser maravilhoso
que sou
e, penetrei nos meus medos,
nos meus desencantos,
naveguei em mares revoltos,
experienciando uma dor sem fim...
Fui ao campo de batalha
onde a alegria e a tristeza lutavam
e, me abandonei ao seu carinho,
que me acolhei no seu coração
espraiei-me no seu peito
para dizer de todo o meu amor...
Meu corpo agradeceu o jogar fora
a tristeza que tanto e tanto doia...
Mas no fundo eu ja sabia
que emoção é para ser expressa...
NUNCA REPRIMIDA!

Quero voltar a sorrir
A luz intensa no meu olhar sentir...
Quero de novo esperança
depois do choque desta perda....
Estou aberta a tudo o que é bom!
Aceito tudo o que vem
deste seu grande coração...
Quero o entusiasmo da vida
em meu peito tanto sentida....
Quero voltar ao alto astral
que norteia o meu ideal...
Quero trabalhar e produzir
para ver minha estrela no meu infinito luzir...

publicado por SISTER às 07:43

  Leia Mateus 11.28.30 

      Tu, porém, Senhor, não te afastes de mim; força minha, apressa-te em socorrer-me . Salmo 22.19

      Saindo da cozinha depois de uma amarga discussão familiar, a menina de 15 anos subiu a escada e bateu a porta de seu quarto. Momentos depois, um único tiro ressoou e seu corpo sem vida caiu no chão. A autópsia não revelou qualquer sinal de drogas ou outra razão física para sua angústia, e seu suicídio foi atribuído a uma "insanidade momentânea".

      Essa menina era minha filha. Ela morreu há mais de 30 anos e ainda não passa uma semana sem que eu me pergunte "Por quê?" O que poderíamos ter feito? Que sinais não percebemos? Como foi que ela chegou a tal ponto de desespero? A perda que minha mulher e eu sofremos foi quase insuportável; e, como me parece comum nessas circunstâncias, acabamos nos divorciando.

      Vários anos depois, participei de minha primeira conferência de evangelização, durante a qual entreguei-me a Cristo, aceitando-O como Senhor da minha vida. Esse foi o ponto de virada em minha existência. Por intermédio de Cristo, encontrei "a paz de Deus, que excede todo o entendimento" (Filipenses 4.7).

      Meu segundo casamento com uma mulher maravilhosa e o nascimento de outra filha também me ajudaram na cura. Aprendi que, embora não possamos mudar o passado, Deus nos oferece paz e vida nova no presente.

      : Senhor, concede Tua paz aos que enfrentam perdas trágicas. Renova-os e fortalece-os, a eles e a nós, todos os dias.  Em nome de Jesus. Amém.

       

      Não importa o que o dia de hoje traga, eu caminho com Deus. 

 

publicado por SISTER às 07:42

      Deixe que viaje com você
      vendo estrelas nessa cumplicidade
      do universo a nos pertencer...
      Nunca vamos acordar
      deste sonho que é amar!
      Minha boca tem seu gosto,
       desejo e paixão,
      teu cheiro másculo, calor ardente.
      Nesse corpo que é seu...
      Deus do sol
      entrego-me de corpo alma.
      Não precisa continuar sonhando
      nem fantasiar o que te espera.
      Permaneço no mesmo lugar
      onde seus braços e beijos
      podem alcançar...

publicado por SISTER às 07:39


      Todos os dias você vê seu rosto no espelho.

      Olha, mas não enxerga.

      É uma imagem conhecida

      é uma estampa refletida.

      Mas, quem mora dentro dela?

      Olha bem dentro dele,

      converse um pouco com ele,

      descubra quem é aquele que está

      em frente a ti.

      Pergunte a ele, quem sou?

      Ele dirá a você:

      Olhe bem lá no fundo que terá

      num instante a resposta.

      Estou de passagem no mundo...

      Mais do que estampa, sou Alma.

publicado por SISTER às 07:38

      Ela mal nasce, nem cabelos ainda tem,

      e já lhe arranjam lacinhos coloridos

      bem colados à carequinha.

      Mulher nasce prá ser mais cores entre todas as cores.

      Mulher é arco-íris.

      Ela mal cresce, mal "desmama" as bonequinhas

      e já sai dando colinho para os colegas da escola,

      para o amiguinho tristonho, para a mãe carente,

      para o papai cansado,

      para quem lhe pede abrigo.

      Mulher é colo.

      Ela adentra a adolescência, chama a atenção dos meninos,

      dos "maduros" sonhadores,

      dos passageiros de ônibus, motoristas, cobradores

      e até do irmão mais velho!

      Mulher é tentação.

      Quando já passa dos 20, quantas histórias já conta!

      Já teve amor malogrado, já teve o primeiro beijo,

      o primeiro namorado, despedidas, desencontros,

      alegrias inesquecíveis, sucessos, também fracassos.

      Mulher é novela.

      Vai para os 30, 40, 60...

      não crê que alcança os 80!

      Quantos amores! Quantas marcas!

      Uniões, filhos, empregos, patrões (dentro e fora de casa),

      metas alcançadas, tantos desejos frustrados,

      tantas palavras já ditas,

      muitos silêncios impostos, compreensões,

      incompreensões, traições e mil desgostos.

      Mulher é história.

      E quando ela deixa o mundo, em algum canto do quarto

      acha-se um fio de cabelo,

      vê-se uma oração à antiga cabeceira,

      ouve-se sua canção favorita,

      seu confessor travesseiro

      e a mancha da última lágrima.

      Mulher é saudade.

      Mas ela sempre renascerá em outras mulheres,

      sempre será o que veio para ser,

      sempre cumprirá sua missão de Luz entre os homens,

      sempre será apenas e tão somente o que é.

      Apenas e tão somente Mulher.

publicado por SISTER às 07:37

Todos nós temos que aprender
e cultivar o perdão.

Perdoar é a compreensão do momento do outro, das suas
deficiências, do distanciamento do seu espírito em relação ao centro
de todo o Universo, da manifestação pura que brota silenciosamente em
seu ser.

Não há porque temer, muito menos questionar nossas atitudes
quando perdoamos aqueles que nos ofendem.

Simplesmente devemos nos opor à discórdia com o que há de mais
sublime em cada um de nós.

Perdoar é sentir o amor invadir nosso interior, o amor que
conduz a harmonia e a paz do Universo, que dá vida e grandeza.

Perdoar não é uma atitude humilhante, é o reconhecimento da
própria Luz que está em nosso coração, é o desejo que o próximo
reencontre sua verdadeira natureza.

Perdoar é amar a vida, amar a si mesmo, amar o próximo, pois
nossa origem é simplesmente o amor.

publicado por SISTER às 07:36

Sempre será o grande segredo da vida, chegar a uma provecta idade
física, sem permitir que a alma envelheça junto, e a respeito desse
tema, ou seja, sobre a questão do que pode ser ou não um sinal de
envelhecimento, muito já se falou, e sempre poder-se-á mais falar ainda.
O certo, é que existem velhos de 30 anos, e jovens de 70... Tudo é
questão de como se pensa a esse respeito, de como as pessoas procuram
viver. Aqueles que se amam, por força desse amor próprio, conseguem
ter melhor condição de vida. Ou não, se não conseguem amar-se o
suficiente para chegar a uma "idosidade" digna e saudável.
Como se pode e se deve viver cada momento da vida, é nisso que se
deve parar para pensar, enquanto ainda é tempo, mesmo porque, não se
pode distrair e deixar o tempo correr lindo, leve e solto. Vamos
controlar essa passagem, para que mais tarde, se possa afirmar com
convicção de que não se pode lembrar de ter tido melhor fase do que a
partir dos cinquenta, sessenta, ou mais, muitas vezes descobrindo
novas aptidões, aquele talento que ficou oculto pelas necessidades da
vida. Talvez não se tenha tido tempo para aproveitar a vida, e em
consequencia, sofrer de depressão, de TPM, menopausa, andropausa,
brigar com espelho, e certos receios sobre o que nos reservará o
futuro. E assim, como o futuro já é presente, aprendemos que o
sentido da vida envolve sabedoria, equilíbrio e fronteiras de
conhecimento, coisas inerentes à experiencia adquirida durante a vida.
Ao ser humano é dado o privilégio da razão, inclusive para não ignorar
que sua vida é composta de fases cósmicas que devem ser vividas e
compreendidas com sabedoria porque são imutáveis, assim cada ser
humano deve aprender viver conscientemente e da melhor maneira
possível todas as fases, com sabedoria , discernimento e felicidade.
Aprendemos assim, que somos imortais de espírito e temos em primeiro
plano um compromisso conosco no campo material que envolve, em
primeiro lugar, o fato de saber manter nossa mente e corpo em
equilíbrio e autoconhecimento pleno. Obviamente que esse aprendizado
envolve tropeços, provações emocionais e outros tantos fatores
emocionais que devemos driblar com destreza inteligente, não
permitindo que acelere nossa degradação física e mental. Nossa breve
passagem por esse plano de vida, transcende religiões , crenças ou
rituais, pois é algo inerente ao plano cósmico, destarte, através do
livre arbítrio o ser humano é capaz de manipular átomos e genes,
construir naves espaciais, mas é inepto para resolver seu próprio
problema existencial .É incapaz de aprender , com raras exceções, que
nossa existência , como ser dual (corpo e mente ), requer equilíbrio
mental e sabedoria, como também de que cada fase de nossa vida será
como abrir um novo portal de autoconhecimento. Com vontade e talento
original se constrói o templo interior , que quanto mais maturidade e
vivência , mais iluminado se torna. Ser feliz é em consequencia,
saber amar mais intensamente, e com muita paz o que é um direito do
ser humano.
Não aceitar o envelhecimento físico natural é sinal de não ter vivido,
apenas devemos saber preservar nossa alma desse envelhecimento, não
permitindo seu envilecimento.
É importante, para uma boa qualidade de vida, que nos respeitemos,
cuidando de nossa mente e de nosso corpo de uma maneira adequada,
evitando certos vícios e excessos, que dão uma ilusória sensação de
prazer e felicidade, mas que mais tarde cobrarão o tributo de nosso
organismo, e então, ao constatarmos o quanto nos custou ter uma má
qualidade de vida na mocidade, já será tarde demais.
Também é necessário que se faça uma boa mentalização, para sabermos
aceitar a passagem do tempo, sem nos entregarmos às suas
consequências. O tempo passa, a idade avança, os cabelos prateiam-se,
mas uma cabeça bem trabalhada consegue minimizar os efeitos dessa
imutável lei da natureza, permitindo chegar-se a idade avançada, com
uma melhor qualidade de vida.
Desejando tudo de bom, quero augurar a todos UM LINDO DIA.

publicado por SISTER às 07:34

   Não deixar o passado sufocar,
  nem que a rotina do presente
    acomode-se, com o paralisante
  medo, que impede de lutar .

  Usufruir mais um dia
  vivendo com alegria, usando
   energia pura com o que de útil,
  de bom puder fazer, gastando
  as horas do tempo, realmente vivendo.

   Vencendo os medos, angustias,
  tristezas , porque, quem quase
  parou como eu, sente não haver garantias
  de  vida...tem que intensamente viver
   o aqui e agora !

publicado por SISTER às 07:33

      Se, trazendo-te flores, ainda, que silvestres,
      nesse meu pequeno gesto, um outro gesto maior,
      em nós permanecer,
      correspondendo à vontade e felicidade, de cada um,
      então é porque o gesto,
      é nascido, do próprio amor, de entre dois corações,
      que, se amam, de verdade.



      No amor, é muito importante, respeitar os silêncios,
      do casal, porque jamais, silêncio, representa indiferença,
      tão só o espaço, necessário, a que cada um, tem o direito,
      como ser individual, que nunca deixará de o ser, embora,
      sim, com outras responsabilidades, no caso, para consigo,
      seu parceiro ou parceira.



      Daí é de suma importância, ambos confiarem, um no outro.
      Não venha a inveja ou a rejeição, pelo que é da própria
      natureza.
      Até que virá, aquele aperto no peito, que, se fará, confidência
      e entrega, olhos nos olhos, compromisso regenerador, mostra
      de perfeita união e de bem-querer, entre duas pessoas, que
      se respeitam, mais do que à própria vida, e, apenas, uma coisa,
      compreendem , o partilhar, de uma vida a dois.


      
      Quem ama, nunca desdenha nem por altivo, se faz passar.
      É humilde, companheiro, a força, por detrás, da fraqueza.
      E seu único prazer, é ver, a pessoa, por quem nutre bons instintos,
      amar e deixar-se amar, sabendo-o sempre,
      a seu lado, quer para o bem, quer para o menos bem.




  

publicado por SISTER às 07:32

      Voce foi meu passado, é meu presente
      e o futuro de meus sentimentos para sempre
      É lembranças que me deixam contente
      Sua presença que tenho como  um presente
      
      Presente do teu amor que voce me deu
      que guardo com muito carinho
      com o zelo, com o cuidado do meu amor
      que voce a todo...a tudo nele conquistou
      
      Amei voce nos momentos difíceis
      que juntos vivemos
      adorei os momentos alegres
      que juntos dividimos
      
      Admiro sua postura frente ao presente
      que juntos compartilhamos
      Respeito seus princípios e valores
      que junto convivemos
      
      Fomento as esperanças dos nossos sonhos
      dos sonhos que já realizamos
      dos sonhos que juntos ainda sonhamos
      com a Fé que um  dia juntos os realizaremos
      
      Com parcimônia juntos amadurecemos
      nos alimentando do dia a dia de nossa juventude
      Com o tempo passando pelo corpo
      mas sempre rejuvenescendo nossa alma
      
      Amor maduro de corpo e alma
      que não tem medo nem receio de futuro
      que anseia pelo pelo instante seguinte
      para sempre colher uma nova flor do amor desabrochada.

   

publicado por SISTER às 07:30
tags:

    Fuiste mi pasado, eres mi presente
      y el futuro de mis sentimientos para siempre
      Eres recuerdos que me dejan feliz
      Tu presencia que tengo como  un regalo

      Regalo de tu amor, que me diste
      que guardo con mucho cariño
      con el cuidado de mi amor
      que tu a todo...del todo conquistaste

      Te amé en los momentos difíciles
      que juntos vivimos
      me encantaron los momentos alegres
      que juntos dividimos

      Admiro tu porte frente al presente
      que juntos compartimos
      Respeto tus principios y valores
      que juntos convivimos

      Fomento las esperanzas de nuestros sueños
      de los sueños que ya realizamos
      de los sueños que juntos todavía soñamos
      con Fé de que un día juntos los realizaremos

      Con parcimonia juntos maduraremos
      alimentandonos  del día a día de nuestra juventud
      Con el tiempo pasando por el cuerpo
      pero siempre rejuveneciendo nuestra alma

      Amor maduro de cuerpo y alma
      que no tiene miedo ni recelo del futuro
      que ansía por el instante siguiente
      para siempre recoger una nueva flor del amor .

 

publicado por SISTER às 07:29
tags:

Beijos poucos
Beijos longos
Beijos loucos

Beijos trabalhadores
Beijos babados
Beijos bêbados

Beijos de pedra
Beijos de carne
Beijos de vento

Beijos sinceros
Beijos suaves
Beijos apressados

Beijos de açúcar
Beijos de café
Beijos de chocolate e hortelã

Beijos que mentem
Beijos que traem
Beijos que matam

Beijos de mães
Beijos de namoradas
Beijos de amantes

Beijos piratas
Beijos comerciais
Beijos burocratas

Beijos de guerra
Beijos de saudade
Beijos de paz

Beijos que voam
Beijos que mergulham
Beijos que caminham

Beijos de partidas
Beijos de despedidas
Beijos de adeus

 

publicado por SISTER às 07:26

Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

16

17
18
19
23

24
30



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO