Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

26
Jul 07
De tão longe, sinto os teus apelos...
De amor, meu corpo todo estremece.
Tento esconder e não respondê-los,
Mas, logo esta mentira desaparece.
 
Quisera negar o quanto eu te amo,
E se me fosse possível, esconderia.
Fingiria que por ti, nunca eu chamo,
E que sem este amor, eu até viveria.
 
Ah... muito bom seria, se um dia
O destino até nos permitisse juntar,
Tudo quanto o mundo nos negaria
E que  jamais pudesse nos separar.
 
Venha a este encontro esperado,
Mas, não pensando em despedida,
Coração aguarda descompassado,
Querendo a resposta de uma vida.
 
S. Holtz
 
publicado por SISTER às 09:13

Hoje vou escrever palavras ao vento,
Sem qualquer siso ou discernimento,
Apenas pelo prazer de escrever
O muito que ainda tenho por dizer.
 
Não serão palavras veladas a eito,
Aquelas que transporto no meu peito,
Mas um rol de frases que satisfaçam
A curiosidade dos que por aqui passam.
 
No entanto não calarei o grito mudo,
Nem deixarei que castrem a poesia,
Rima a rima, verso a verso: e é tudo.
 
E com tudo isto vou para outro lugar,
Construindo a noite, dando vida ao dia,
Onde as pessoas possam lá estar.
 
Jorge Humberto
publicado por SISTER às 09:13

Información, radio, periódicos, televisión,
¿Donde está nuestra lucidez?
Si somos blanco para cañones,
Se debe eso a nuestra insensatez.

Revistas color de rosa, fotógrafos,
Niñas paseando sus cuerpos
Para masturbadores retrógrados,
Que no son más que unos cerdos.

Que prometem mundos y dinero,
Para que las niñas deslicen
Por las passerelas o por las cloacas.

Todo esto me da asco, me revuelve
Las entrañas, y, no me dicen,
Por qué el vómito siempre vuelve.

Jorge Humberto

publicado por SISTER às 09:13

Porque ouço tua voz,
meu coração em festa,
descompassado, se agita.
Canto em cores vibrantes,
faço fita,
danço na ponta dos pés
 tuas secretas coreografias,
saltito entre as nuvens,
invento histórias,
vivo o real ou a fantasia?
Porque somos nós,
a sós,
insisto, incito, excito, imito, desminto...
Sou eu ou tu?
Somos um só, concluo...
Somos nó bem feito, afirmo...
E juro de pés juntos:
"Jamais tive um amor tão lindo
dentro do meu peito!
Te amo,
meu sonho de amor perfeito!"
 
odeteronchibaltazar
 
publicado por SISTER às 09:13

Tudo cabe na mesma rima,
Da sílaba ao verso popular,
E o poema é como a esgrima,
Fresta por onde corre o ar.
 
O sol se põe e se levanta,
Num ritual bem ancestral,
E é minha a voz que canta,
A natureza do reino animal.
 
Eu sou o poeta da natureza,
Aquele que vê sem ver decerto,
Pois duma coisa tenho certeza,
Só vê quem tem o livro aberto.
 
Aprendi muita coisa, aqui e ali,
Acautelei-me dos inimigos,
E, hoje, porém, dou por mim,
Cercado de meus amigos.
 
Nesta trova com ou sem rima,
Procurei dar o melhor de mim,
Vivemos num mundo sem estima,
Onde cada um quer saber de si.
 
Uma palavra de esperança
Vos deixo, como balões no ar,
Guardem o sorriso da criança,
Para que a podeis estimar.
 
Jorge Humberto
publicado por SISTER às 09:13

Planté en mi jardín, a la orilla del agua,
La más bella flor que yo recordé,
Saliente era la piedra donde la sembré
Con nenúfares para irrigar el agua…

Hoy, viendote crecer, eres el orgullo
De todos nosotros, que te miramos absortos
Vislumbrando los pequenos tallos,
Que nacem poco a poco en la marejada

De las aguas del río, que plácidamente
Corren cuesta abajo, de la naciente
Buscando su refugio ampliamente.

Esa flor eres tu, Nan, mujer amada,
Que lozana estás hasta donde hay nada,
Lista para ser cogida y rescatada.

Jorge Humberto

publicado por SISTER às 09:13

Pobre Francisco que da paz não desiste,
pede pelo mundo que do ódio vive,
vê, são muitos irmãos sem teto e sem pão,
que na vida não têm nada, nem mesmo ilusão...

 

Pede Francisco e que seu Senhor o escute,
fala pelas bocas esfomeadas de amor e justiça,
diga das dores dos que perderam seus filhos
nas mãos sem ideais que cultivam a cobiça.

 

Francisco do amor, irmão só, de fé, sonhador,
seca as faces que desenham esse mundo sem cor,
que seu Senhor seja a luz e também o autor
da nova realidade que dissipa as trevas livrando-nos da dor.

 

Oh! Mestre de Francisco, seja em mim também o Senhor,
mostre-me o amar, o doar, o perdoar consolador,
que eu seja o fruto do bendito ventre a parir o amor,
que se abram caminhos na nova luz que dita a aurora,

 

Que a fé não seja de fragmentos, mas se consolide em atos de paz,
que os corpos mutilados, vendidos à morte que gerou tanta dor
sejam hoje justificados em preitos da verdade e de valor,
transformando todo pranto em canto vivo de pleno amor.

 

Oh! Pobre Francisco que tanto acreditou,
pobre mundo que de sua irmandade se distanciou...
Roga Francisco pelos muitos pequeninos desse mundo perdido
do amor único e verdadeiro que sua boca um dia anunciou...

 

by-Aisha

publicado por SISTER às 09:13

 

Se cada um de seus dias

for uma centelha de luz,

no fim de sua vida você

terá iluminado o mundo.

 

Thomas Merton

publicado por SISTER às 09:13

Na luz triste quase finda do dia,
a chuva com seu tilintar suave na vidraça,
rega as flores e esconde os pássaros,
calando o seu trinado.
 
Mais um dia para as páginas
da história de vida de cada um.
Dia propício para a a reflexão,
para a saudade, para revisar os sonhos,
para justificar uma maldade recebida de alguém,
banindo a mágoa do coração, envernizando as
cicatrizes para que sejam lembradas como lição de vida.
 
Dia especial, para lembrar dos amores
gravados em capítulos, 
diferenciados pelos  compartimentos do coração.
Relembrar do amor que partiu
por desejo de Deus e mora em outra dimensão,
do amor  mascarado que  infiltrou-se
no coração fragilizado pela carência e
desfolhou a beleza de amar,
do amor que retornou depois de anos adormecido,
pronto para caminhar lado a lado, na alegria e na tristeza.
 
Chega a noite sem a luz da lua e das estrelas,
chega mansa e companheira,
envolvida pelo som das Bachianas n.º 5 de Villa-Lobos,
em um momento sublime para constatar
 que vida ainda é o maior presente de Deus!
 
Amo a vida!
E você?
OlhosDe£in¢e
publicado por SISTER às 09:13

Reconcilia-te com todas as coisas do céu e da terra.

Quando se efetivar a reconciliação com todas as coisas do céu e da terra, tudo será teu amigo.

Quando todo o universo se tornar teu amigo, coisa alguma do universo poderá causar-te dano.

Se és ferido por algo ou és atingido por micróbios ou por espírito baixos, é prova que não estás reconciliado com todas as coisas do céu e da terra.

Reflexiona e reconcilia-te.

Esta é a razão por que te ensinei, outrora, que era necessário reconciliares com teus irmãos antes de trazeres oferenda ao altar.

Dentre os teus irmãos OS MAIS IMPORTANTES SÃO TEUS PAIS.

Mesmo que agradeças a Deus, se não consegues, porém, agradecer aos teus pais, não estás em conformidade com a vontade de Deus.

Reconciliar-se com todas as coisas do universo significa agradecer a todas as coisas do universo.

A reconciliação verdadeira não é obtida nem pela tolerância nem pela condescendência mútua.

Ser tolerante ou ser condescendente não significa estar em harmonia do fundo do coração.

A reconciliação verdadeira será consolidada quando houver recíproco agradecer.

Mesmo que agradeça a Deus, aquele que não agradece a todas as coisas do céu e da terra não consolida a reconciliação com todas as coisas do céu e da terra.

Não havendo reconciliação com todas as coisas do universo, mesmo que Deus queira te auxiliar, as vibrações mentais de discórdia não te permitem captar as ondas da salvação de Deus.

Agradece à Pátria, agradece ao teu pai e tua mãe, agradece ao teu marido ou a tua mulher.

Agradece aos teus filhos, agradece a teus criados, agradece a todas as pessoas.

Agradece a todas as coisas do céu e da terra.

Somente dentre este sentimento de gratidão é que poderás ver-Me e receber a minha salvação.

Como sou o todo de tudo, estarei somente dentro daquele que estiver reconciliado dentro das coisas do céu e da terra.

Não sou presença que possa ser vista aqui ou acolá.

Por isso não me incorporo em médiuns.

Não penses que, chamando por Deus através de um médio, Deus possa se revelar.

Se queres chamar-Me, reconcilia-te com todas as coisas do céu e da terra e chama por mim.

Porque sou Amor, ao te reconciliares com todas as coisas do céu e da terra, aí então me revelarei.

Masaharu Taniguchi

publicado por SISTER às 09:13

Quando não se alcança o almejado apesar de orar fervorosamente, às vezes há uma causa mental oculta: não se perdoou a alguma pessoa. Quando odiamos alguém, esse ódio se infiltra em nosso subconsciente e, mesmo que o esqueçamos no consciente, ele continua latente. Tendo ódio no subconsciente, a oração torna-se inútil, ainda que seja fervorosa. Portanto, é necessário, antes de orar por algo, fazer oração do perdão. Quem perdoa é perdoado. Para isso, há as seguintes orações:


Eu o (a) perdoei e você me perdoou eu  e você somos um só perante Deus.

Eu o (a) amo e você me ama também; eu e você somos um só perante Deus.

Eu lhe agradeço e você me agradece. Obrigado, obrigado, obrigado...

Não existe mais nenhum ressentimento entre nós.
Oro sinceramente pela sua felicidade.  Seja cada vez mais feliz...

Deus o (a) perdoa, portanto eu também o (a) perdôo.

Já perdoei a todas as pessoas e acolho a todas elas com o Amor de Deus.

Da mesma forma, Deus me perdoa os erros e me acolhe com Seu imenso amor.

O Amor, a Paz e a Harmonia de Deus envolvem a mim e o outro.

Eu o amo e ele me ama. Eu o compreendo e ele me compreende.

Entre nós não há mal-entendido algum.
Quem ama não odeia, não vê defeito,  não guarda rancor.

Amar é compreender o outro e não exigir o impossível.

Masaharu Taniguchi

publicado por SISTER às 09:13

Contemplo o lago mudo 
 Que uma brisa estremece. 
 Não sei se penso em tudo 
 Ou se tudo me esquece. 
 O lago nada me diz, 
 Não sinto a brisa mexê-lo 
 Não sei se sou feliz 
 Nem se desejo sê-lo. 
 Trêmulos vincos risonhos 
 Na água adormecida. 
 Por que fiz eu dos sonhos 
 A minha única vida? 
                
Fernando Pessoa
publicado por SISTER às 09:13

EU APRENDI
que a melhor sala de aula do mundo está aos pés

de uma pessoa mais velha;

EU APRENDI
que ter uma criança adormecida nos braços 

é um dos momentos mais pacíficos do mundo;

EU APRENDI
que ser gentil é mais importante do que estar certo;

EU APRENDI
que nunca se deve negar um presente a uma criança;

EU APRENDI
que eu sempre posso fazer uma prece por alguém

quando não tenho a força para ajudá-lo de alguma outra forma;

EU APRENDI
que não importa quanta seriedade a vida exija de você,

cada um de nós precisa de um amigo brincalhão para se divertir junto;

EU APRENDI
que algumas vezes tudo o que precisamos é de uma mão para segurar

e um coração para nos entender;

EU APRENDI
que os passeios simples com meu pai em volta do quarteirão

nas noites de verão quando eu era criança fizeram maravilhas 

para mim quando me tornei adulto;

EU APRENDI
que deveríamos ser gratos a Deus por não nos dar tudo que lhe pedimos;

EU APRENDI
que dinheiro não compra "classe";

EU APRENDI
que são os pequenos acontecimentos diários que tornam a vida espetacular;

EU APRENDI
que debaixo da "casca grossa" existe uma pessoa 

que deseja ser apreciada, compreendida e amada;

EU APRENDI
que Deus não fez tudo num só dia; o que me faz pensar que eu possa ?

EU APRENDI
que ignorar os fatos não os altera;

EU APRENDI
que quando você planeja se nivelar com alguém, 

apenas esta permitindo que essa pessoa continue a magoar você;

EU APRENDI
que o AMOR, e não o TEMPO, é que cura todas as feridas;

EU APRENDI
que a maneira mais fácil para eu crescer como pessoa

é me cercar de gente mais inteligente do que eu;

EU APRENDI
que cada pessoa que a gente conhece deve ser saudada com um sorriso;

EU APRENDI
que ninguem é perfeito até que você se apaixone por essa pessoa;

EU APRENDI
que a vida é dura, mas eu sou mais ainda;

EU APRENDI
que as oportunidades nunca são perdidas; 

alguém vai aproveitar as que você perdeu.

EU APRENDI
que quando o ancoradouro se torna amargo 

a felicidade vai aportar em outro lugar;

EU APRENDI
que devemos sempre ter palavras doces e gentis 

pois amanhã talvez tenhamos que engolí-las;

EU APRENDI
que um sorriso é a maneira mais barata de melhorar sua aparência;

EU APRENDI
que não posso escolher como me sinto, 

mas posso escolher o que fazer a respeito;

EU APRENDI
que todos querem viver no topo da montanha,

mas toda felicidade e crescimento ocorre quando você esta escalando-a;

EU APRENDI
que só se deve dar conselho em duas ocasiões:

quando é pedido ou quando é caso de vida ou morte;

EU APRENDI
Que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer. 
 

                                                     WILLIAM   SHAKESPEARE
publicado por SISTER às 09:13

Sessenta e cinco anos de existência!!!
Mas sou feliz por estar vivendo tanto,
Pois ri bem mais do que verti meu pranto,
Tive vitórias... Nunca desistência.

E a essa luta que o dever me chama,
Criei meus filhos, vi chegando os netos...
Doei carinhos, hoje tenho afetos;
Amei bastante e tenho quem me ama.

Vivi melhor do que pensei... E canto
Do mundo, em versos, tão somente o encanto,
O amor, a paz e muitas alegrias.

Talvez por isso é que nasci poeta,
Com essa alma tão feliz e inquieta,
Que após minha morte inda fará poesias.

Sá de Freitas
publicado por SISTER às 09:13

Tudo cabe na mesma rima,
      Da sílaba ao verso popular,
      E o poema é como a esgrima,
      Fresta por onde corre o ar.

      O sol se põe e se levanta,
      Num ritual bem ancestral,
      E é minha a voz que canta,
      A natureza do reino animal.

      Eu sou o poeta da natureza,
      Aquele que vê sem ver decerto,
      Pois duma coisa tenho certeza,
      Só vê quem tem o livro aberto.

      Aprendi muita coisa, aqui e ali,
      Acautelei-me dos inimigos,
      E, hoje, porém, dou por mim,
      Cercado de meus amigos.

      Nesta trova com ou sem rima,
      Procurei dar o melhor de mim,
      Vivemos num mundo sem estima,
      Onde cada um quer saber de si.

      Uma palavra de esperança
      Vos deixo, como balões no ar,
      Guardem o sorriso da criança,
      Para que a podeis estimar.

      Jorge Humberto
publicado por SISTER às 09:13

Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tradutor
Música
mais sobre mim
pesquisar
 
Sister online
Selo

blogs SAPO