Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

20
Jan 07

Somos amigos sem rosto
que nos encontramos
nas vielas do virtual
sem enganos e atrasos
assumimos o nosso posto.

Aqui nos aconchegamos
de olhos fixos no monitor
lentamente moldamos um ser
e dele uma imagem criamos
fruto da imaginação e gosto.

Com carinho partilhamos
o que podemos e sabemos
p'lo cordão umbilical em rede
que leva emoções vivas a outro (a)

A parte material perde o valor
e os corações ganham voz.
Viajamos num infinito
à procura de algo concreto
um conforto, um desabafo
uma boa amizade, um grande amor...

Procuramos nas entrelinhas
o histórico de cada um
o que por vezes se revela
desajustado e pouco verdadeiro
mas com o tempo tudo fica claro
e os relacionamentos ganham raiz.

É a oportunidade do conhecimento
de pessoas que nunca se aproximavam
se o primeiro impacto fosse
a imagem real, o bom dia ao vivo...

(Filomena - S. João da Madeira - Portugal)

publicado por SISTER às 07:45

19
Jan 07

Educação divulga Medidas que melhoraram a Escola Pública (19-01-2007)

publicado por SISTER às 20:13

 "Nada na vida é completamente errado. Até um relógio quebrado, duas vezes ao dia está marcando a hora certa."  - Brida
publicado por SISTER às 18:09

Por que... há momentos tão tristes?
Que sinto o coração... gelar no peito?
A alma... deixar meu corpo inerte...
E voar entre as nuvens como o vento?

É como se o mundo tivesse parado...
Como se meu ser tivesse petrificado.
No rosto... já não deslizam lágrimas...
Já não desabafo... como no passado...

Há espaços em branco... reticências tantas...
Cores desbotadas... e sonhos apagados...
Foram tantas as desilusões e percalços...
Que hoje caminho pela metade, aos pedaços...

Meu riso agora... não é mais que um lamento,
Há feridas incontáveis sangrando... matando...
O tempo passa tão depressa, tão sem razão...
E todas as esperanças... vão se apagando...

Peço socorro... em cada dia que nasce...
Em cada hora... que o relógio marca...
Mas ninguém nota... meu grito mudo...
Nem a dor... que meu ser abarca...

Deixo então... o frio me congelar...
Feito a neve... cair sobre mim...
Talvez seja melhor me entregar...
Quem sabe... seja esse o meu fim!...
Mary Trujillo
publicado por SISTER às 08:04

Criança, de arma na mão, para onde vais?

Roubaram-te a meninice, meu menino,

Tinhas no bolso a fisga e nas mãos os pardais,

E tu que continuas sendo tão pequenino.

Vais para a guerra, despedes-te de teus pais,

Menino, para onde vais, em corpo tão franzino?

Vestes camisa rota e feros vendavais:

Para onde vais, menino, em tal desatino?

Com bravura guerreias em nome de tua terra,

Esqueceste os bonecos com que brincavas,

E, ainda tão pequenino, menino, foste prà guerra.

Uma bala perdida em teu corpo se encerra,

Enquanto tu pela tua pátria lutavas,

Jazes frio no chão, menino, quem te enterra?

Jorge Humberto
publicado por SISTER às 08:01

18
Jan 07
Vidas e horizontes
Joe'A
No horizonte, sempre a mesma linha
fronteira do céu com o mar
a mesma, todos os dias
o mesmo sagrado cerimonial
 
Sobre essa mesma tela cada dia
em cada hora, em cada clima
colore suas próprias imagens e cores
que variam a todo instante
 
Conforme o sol, conforme as nuvens
conforme o ar, conforme nosso estar
que o tempo todo esta a variar
desde o nascente até o poente
 
Na alvorada o sol a nascer
nas cores do fogo as nuvens tecer
imagens de esplandecer
como só a natureza sabe fazer
 
O sol ao nascer é imenso
com cores e raios suaves
semelhante ao entardecer
até o meio dia se encolhendo
 
Se encolhe até o meio dia
concentra toda sua essência
em brilho e calor, mostra sua magnificência
ilumina e aquece tudo ao seu alcance
 
O horizonte sempre igual, no seu ritual
se veste das cores dos outros
Na mecânica celestial
Os rituais do sideral
 
Tendo o sol por testemunha
a vida segue semelhante ritual
a vida coletiva, a vida individual
Na biológica cronologia... e no dual...
publicado por SISTER às 18:07

Não precisa ser homem - basta ser humano, ter sensibilidade e ter coração.
Precisa de saber falar, de saber calar e, sobretudo, de saber ouvir.
Que goste de poesia, do alvorecer, de pássaros, do sol, da lua e do murmúrio das brisas.
Deve ter amor, um grande amor por alguém, ou então sentir a falta de não ter esse grande amor.
Deve guardar segredo sem sacrificar-se. Não é imprescindível que seja em primeira mão, nem mesmo em segunda; pode já ter sido enganado (todos os amigos são enganados).
Tem de ter ressonâncias humanas; seu principal objectivo deve o de ser amigo; deve sentir a tristeza das pessoas e compreender o imenso vazio dos solitários.
Procura-se um amigo que tenha os mesmos gostos e que saiba conversar de coisas simples.
Precisa-se de um amigo que diga que vale a pena viver, não porque a vida é bela, mas porque se tem um amigo.
Precisa-se de um amigo que, a sorrir, nos bata no ombro e creia em nós.
Precisa-se de um amigo para se ter a certeza que ainda se vive.


publicado por SISTER às 08:15

Me ensina a te esquecer.   
****
**
   *   
Você me ensinou a ver na simplicidade as coisas mais importantes da vida,
você me abriu os olhos e hoje não sou mais a mesma pessoa,mas bem que eu
gostaria de ser;pois mesmo não sendo como eu era antes hoje não sou
tão feliz assim.

Você me ensinou a valorizar os momentos
Você me ensinou a te amar todo o tempo,você me ensinou a falar o que penso
você se tornou importante,mais também virou sofrimento pois não tenho
nossos momentos,não tenho seu amor,não tenho mais palavras,

não tenho simplicidade,apenas penso na sua lembrança ainda que mais que
me faz sofrer,você me ensinou a te amar
Mais hoje eu te peço!
Por favor me ensina a te esquecer...
e ensina a te esquecer.
   
 
 
publicado por SISTER às 07:22

Tenho saudade dos sonhos
                          Que sonhei na adolescência
                          Sonhos que imaginei


                          Tenho saudade dos tempos que sonhei
                          De tudo que planejei
                          Dos sonhos que não realizei

                          Tenho saudade das amizades

                          Das festas
                          Das alegrias
                          Dos sonhos que sonhamos

                          Tenho saudade daquela menina
                          Que sonhou
                          Que planejou
                          Que buscou no dia a dia
                          Realizar seus sonhos.

                          Tenho saudade dos sonhos
                          Que o tempo levou
                          Que a dura realidade
                          Não realizou.

                          Tenho saudade sim...
                          aprendi que a vida não é feita de sonhos
                          mas sim de ideais de fatos
                          os sonhos as fantasias
                          são apenas uns passes de magia
                          que alimentam nosso dia a dia

Fafá Lima

publicado por SISTER às 06:50
sinto-me:

17
Jan 07

Existem pedras.
Não desista de andar.
Existem barreiras.
Não desista de passar.
Existem os nós.
É preciso desatar.
Existe o desanimo.
É a pior coisa que há.
A estrada é longa.
Não desista de chegar.
Existe o cansaço.
É preciso caminhar.
Existe a derrota.
Voce nasceu para ganhar.
Existe o desamor.
É fundamental amar.
Porque voce nasceu para brilhar.
Seja muito feliz!
Deus assim o quer pra todos

tenha uma otima semana
beijus

publicado por SISTER às 12:49

Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14

22
24



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO