Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

05
Ago 08

Indulgência?
Tenha a santa paciência
Feche a porta sem olhar
Há cartazes espalhados
Uma invasão distinta
De licenças. Não peco!

Coerência?
Sempre que sobrar fluência
Vontade de pouco falar
Discursos inflamados
Mata -borrão pra pouca tinta
Papel pardo, visão de cego

Tolerância?
Completa! Abaixo a implicância
Viva a teimosia, a nudez impar
Que no saco de poucos achados
Parece que nunca se finda
Atenção, é coisa que nunca nego

Reticência...
Concordância, e muita elegância
Um passo em falso e morro à míngua
Crucificada pela própria língua
Estrangeira em última instância
No limite da mendicância.

publicado por SISTER às 06:54

comentário:
Fico agradecida e feliz por ter minhas letrinhas nesse lindo blog. Beijo carinhoso
Angélica T. Almstadter a 3 de Novembro de 2008 às 17:21

Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9






Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO