Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

20
Abr 08

O meu sentido de oportunidade, está, para mim
      como a sobrevivência, está para o animal.

      Minha razão é só o ordenamento, de meus
      pensamentos.
      Perscruto-os, sem fazer deles
      meus senhores, nem lhes prestar vassalagem.

      Toda e qualquer ilação, que retires de um
      pensamento, se o consultares, à luz da razão, e, a ela,
      te segurares,
      eis, então, que deixa de ser essência, primária e original.

      Quer um quer outra, são dois impostores,
      o que precisamos é de ver com os sentidos, sem uso da visão,
      porque quem olha mente.

      Cresce uma flor, aberta sua corola: mas porque sei
      eu isto, se não olho para ela?
      Porque a vi, em todo o seu esplendor, no olor,
      que chegou até meu olfacto e ouvidos.

      E eu sou carne, nervos, sensitivos padrões recorrentes.

      Ah, quem dera, ter o cerne dos grandes poetas!
      ser como a criança, que não julga, pois que, sua visão, das coisas,
      está no tacto, nos ouvidos e olfacto,
      como esta leve brisa, na folhagem de uma árvore.

      Mais uma vez, não é o olhar, quem me fala,
      mas o saber, da existência da árvore, no seu murmurejar ao vento,
      que sacode meus cabelos e cala, no meu rosto, seu altruísmo
      natural, das coisas vivas.

      Pois, em verdade, vos digo, a razão é filha da mentira,
      subverte e desfigura, o que à nossa volta se expande ou jaz,
      agonizando, seu último estertor, pois que não acreditamos, em nossa inocência.

      Ah, não ser eu, todas estas coisas, o nada
      que é tudo, tão natural como a minha sede de vida!

      Ser simplesmente - e basta.

      Jorge Humberto

publicado por SISTER às 08:21

Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO