Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

21
Mai 10

Se chegaste aos dias anuviados de pranto, à vista de ocorrências infelizes, acende a luz da esperança e caminha adiante, olvidando na retaguarda o que te possa parecer aflição e desengano.

Outro dia com novas emoções, espera-te amanhã, renovando-te a vida.

Circunstâncias inesperadas te deslocaram da segurança em que vivias, arrojando-te nas dificuldades
do começo da existência...

Esquece quantos te surgiram por instrumentos
de inquietação e lembra-te de que as oportunidades de trabalho continuam brilhando para os que não se deixam vencer pelo desânimo.

Pessoas queridas talvez se te hajam transformado  em obstáculos à paz, compelindo-te à travessia de espessas nuvens de lágrimas...

Esquece os que se acomodaram com atitudes irrefletidas
e pensa nas dedicações sinceras que te felicitam as horas.

Alguém a quem amas, enternecidamente,
haverá falhado nos compromissos assumidos,
relegando-te ao abandono...

Esquece o menosprezo de que terás sido objeto e conserva a imagem desse alguém no tesouro de tua gratidão pela felicidade que te deu
e prossegue em frente, na certeza de que a vida te ofertará estradas novas para a aquisição de alegrias diferentes.

Acontecimentos calamitosos te impeliram
a vacilar nos fundamentos da fé, ainda insegura...

Esquece, porém, os  fatos amargos
e adianta-te na jornada  para diante,
valorizando os recursos espirituais de que dispões, recordando que o Céu continua alentando
a última planta das últimas faixas do deserto
e revigorando o verme da mais oculta reentrância
de abismo.

Seja qual o tipo de provação que te incline ao desalento, vence o torpor da tristeza e segue para a vanguarda
de tuas próprias aspirações.

Da imensidão da noite, nascerá sempre
o fulgor de um novo dia.

Não te permitas qualquer parada nas sombras da inércia.

Trabalha e prossegue em frente,
porque a bênção de Deus te espera em cada alvorecer.

publicado por SISTER às 14:37
tags:

01
Abr 09

Você passou por mim com simpatia, mas quando viu meus olhos parados indagou em silêncio o porque vagueio pelas ruas.

 

Talvez por isso apressou o passo, e ainda que eu quisesse chamar, a palavra desfaleceu na boca.

 

É possível que você suponha que eu desisti do trabalho, no entanto ainda hoje bati de porta em porta em vão.

 

Muitos disseram que ultrapassei a idade para ganhar o pão, como se a madureza do corpo fosse condenação à inutilidade.

 

Outros, desconhecendo que vendi minha melhor roupa para aliviar a esposa enferma, me despediram apressados, crendo que fosse eu um vagabundo sem profissão.

 

Não sei se você notou quando o guarda me arrancou da frente da vitrine, a gritar palavras duras, como se eu fosse um malfeitor vulgar. Contudo, acredite, nem me passou pela mente a idéia de furto.

 

Apenas admirava os bolos expostos, recordando os filhinhos a me abraçar com fome, quando retorno à casa.

 

Talvez tenha observado as pessoas que me endereçavam gracejos, imaginando que eu fosse um bêbado, porque eu tremia, apoiado ao poste.

 

Afastaram-se todos com manifesto desprezo, mas não tive coragem de explicar que não tomo qualquer alimentação há três dias.

 

A você, todavia, que me olhou sem medo, ouso rogar apoio e cooperação. Agradeço a dádiva que me ofereça em nome do Cristo que dizemos amar, e peço para que me restitua a esperança, a fim de que eu possa honrar com alegria o dom de viver.

 

Para isso, basta que se aproxime de mim sem asco, para que eu saiba apesar de todo meu infortúnio que ainda sou seu irmão.

 

.........................................

 

Essa é a mensagem de um homem triste, quiçá como tantos que vemos perambulando pelas ruas.

 

É bem verdade que alguns são de fato pessoas que se comprazem na ociosidade.

 

Todavia há os desafortunados que apesar de trabalhar a vida toda, não puderam ajuntar moedas para o sustento próprio e da família, e que chegada a madureza, são condenados pela sociedade a viver como réprobos, embora sejam pessoas dignas.

 

É comum observarmos homens e mulheres puxando um carrinho de papéis e outros objetos recicláveis, para prover o próprio sustento.

 

São nossos irmãos de caminhada evolutiva, que não tem coragem de viver na mendicância, por isso trabalham com dignidade.

 

Muitos de nós, no entanto, nos enfadamos com essas criaturas que atrapalham o trânsito com seus carrinhos indesejáveis.

 

O que não nos damos conta é que além do peso do carrinho, têm ainda que carregar sobres os ombros o peso da humilhação e do desprezo impostos por uma sociedade indiferente.

 

É verdade que todos nós estamos colhendo o que plantamos, e que aqueles que passam por essas situações precisam dessas experiências para crescerem espiritualmente.

 

Entretanto, são nossos irmãos, filhos do mesmo Pai Criador, e merecedores sem dúvida - no mínimo - do nosso respeito.

 

Se não os podemos ajudar, que não os atrapalhemos, jogando-lhes palavras amargas, nem menosprezando-os, dificultando ainda mais a sua caminhada.

 

publicado por SISTER às 08:09
tags:

27
Mar 09

SENHOR !

QUANDO ALGUÉM ESTIVER EM ORAÇÃO, REFERINDO-SE À CARIDADE, FAZE QUE ESSE ALGUÉM ME RECORDE, PARA QUE CONSIGA IGUALMENTE AJUDAR EM TEU NOME.
QUANTAS CRIATURAS ME FITAM INDIFERENTES, E QUANTAS ME ABANDONAM POR LIXO IMPRESTÁVEL...
DIZEM QUE SOU MOEDA INSIGNIFICANTE, SEM UTILIDADE PARA NINGUÉM; CONTUDO, DESEJO TRANSFORMAR-ME NA GOTA DE REMÉDIO PARA A CRIANÇA DOENTE. ATIRAM-ME À DISTÂNCIA, QUANDO SURJO NA FORMA DO PEDAÇO QUE SOBRA À MESA; NO ENTANTO, ASPIRO A FAZER AINDA, A ALEGRIA DOS QUE CHORAM DE FOME. MUITA GENTE CONSIDERA QUE SOU TRAPO VELHO PARA O ESFREGÃO, MAS ANSEIO AGASALHAR OS QUE ATRAVESSAM A NOITE DE PELE AO VENTO...OUTROS ALEGAM QUE SOU RESTO DE PRATO PARA A CALHA DO ESGOTO, MAS ENCONTRANDO MÃOS FRATERNAS QUE ME AUXILIEM, POSSO CONVERTER-ME NA SOPA GENEROSA, PARA ALIMENTO E CONSOLO DOS QUE JAZEM SOZINHOS, NO CATRE DO INFORTÚNIO, REFLETINDO NA MORTE.
AFIRMAM QUE SOU APENAS MIGALHA E, POR ISSO, ME DESPREZAM...TALVEZ NÃO SAIBAM QUE, CERTA VEZ, QUANDO QUISESTE FALAR EM AMOR, NARRASTE A HISTÓRIA DE UMA DRACMA PERDIDA E, REPORTANDO-TE AO REINO DE DEUS, TOMASTE UMA SEMENTE DE MOSTARDA POR BASE DE SEU DESTINO.
FAZE, SENHOR, QUE OS HOMENS ME APROVEITEM NAS OBRAS DO BEM ETERNO ....
E, PARA QUE ME COMPREENDAM A CAPACIDADE DE TRABALHAR, DIZE-LHES QUE,  UM DIA , ESTIVEMOS JUNTOS EM JERUSALÉM, NO TEMPLO DE SALOMÃO, ENTRE A RIQUEZA DOS PODEROSOS E AS JÓIAS FAISCANTES DO SANTUÁRIO, E CONTA-LHES QUE ME VISTE E ME ABENÇOASTES, NOS DEDOS MIRRADOS DE POBRE VIÚVA NA FEIÇÃO DE UM VINTÉM.


          

publicado por SISTER às 13:49
tags:

14
Mar 09

   A existência terrestre é uma viagem educativa.
  Começa na meninice, avança pelos caminhos claros da plenitude física e altera-se na noite da enfermidade ou da velhice, para renovar-se, além da morte.
   Repara, pois, como segues.
*
  Não te agarres aos bens materiais, senão no estritamente necessário para que te faças valioso irmão no concurso aos companheiros de jornada e útil a ti mesmo.
*
  Há muitos viajores que sucumbem na caminhada sob pesados madeiros de ouro a que se jungem, desorientados.
*
  Não reclames devotamento do próximo, e, sim, ama e auxilia a todos os que se aproximem de ti, para que o teu amor não desça do Alto aos tenebrosos despenhadeiros do exclusivismo.
*
  Muitos peregrinos enlouquecem o coração no mel envenenado das afeições doentias e demoram-se longos séculos na corrente viscosa do charco
*
  Não prossigas viagem guardando ressentimento, para que não aconteça te prendas impensadamente aos labirintos do ódio.
*
  Muitos viajantes, a pretexto de fazerem justiça, tombam, insensatos, em escuras armadilhas da crueldade e da intriga, com incalculáveis prejuízos no tempo.
*
  Recorda que iniciaste a excursão terrestre sem qualquer patrimônio e encontraste carinhosos braços de mãe que te embalaram, amparando-te, em nome do Eterno.
*
   Lembra-te que nada possuis, à frente do Pai Celestial, senão tua própria alma e, por isso mesmo, so em tua alma amealharás o tesouro que a ferrugem não consome e que as traças não roem.
   
*
   Prazer e dor, simplicidade e complexidade, escassez e abastança, beleza da forma ou tortura do corpo físico, são simplesmente lições.
*
  O caminho do mundo que atravessas cada dia, é apenas escola.
*
  Teus afetos mais doces são companheiros com tarefas diferentes das tuas.
*
  Segue sem imposição, sem preguiça, sem queixa e sem exigência.
*
  O corpo é o teu veiculo santo.
  Não lhe conspurques a harmonia.
*
  A experiência tua instrutora.
  Não lhe menosprezes o ensinamento.
*
  O próximo de qualquer procedência é teu irmão.
  Não o abandones.
*
  O tempo é o empréstimo divino que recebeste do Céu, para a edificante peregrinação.
  Valoriza-o com o teu aprimoramento no amor e na sabedoria.
*
  E aceitando Jesus por mestre, em teus passos de cada hora, guarda a certeza de que, em breve, atingiras a alegria do sublime retorno ao Divino Lar.

 

publicado por SISTER às 15:23
tags:

12
Mar 09

O mundo em que vivemos é propriedade de Deus.
Devemos agradecer as bênçãos de Nosso Pai Celestial, todos os dias.
O coração agradecido ao Senhor espalha a bondade e a alegria em seu nome.
Jesus rendia graças a Deus, auxiliando o próximo.
A Natureza diariamente glorifica a Divina Bondade, na luz do Sol, na suavidade do vento, no canto das aves e no perfume das flores.
Quem ajuda às plantas e aos animais revela respeito e carinho na Criação de Nosso Pai Celestial.
Devo ser bom para com todos, porque Deus tem sido infinitamente bom para comigo, em todas as ocasiões.
Quem trabalha com alegria mostra reconhecimento ao Céu.
Cooperando de boa-vontade com os outros, estaremos servindo a Deus.

 

publicado por SISTER às 08:51
tags:

10
Dez 08
  •       Não olvides que o Natal é uma festa do céu, para a noite da Terra.
  •       A Estrela de Belém brilhando, além das nuvens...
  •       Vozes angelicais, rompendo as trevas...
  •       E um berço, na manjedoura inválida de sombra,
  •       em que o Rei da Luz começou o apostolado Divino,
  •       entregando a Boa Nova de Eterna alegria aos pastores de vida singela.
  •       Que o afagavam com mãos calejadas e tremulas...

  •       É por isso que a tua noite de Natal está povoada de júbilos santos.
  •       Quase sempre, a doce comunhão com aqueles que mais amas...
  •       A árvore simbólica, adornada por dádivas de carinho...
  •       O doce calor do lar, defendendo-te contra a ventania, que reina lá fora...
  •       O bolo festivo....
  •       Os cânticos e as orações, que te recordam a chegada do Redentor...

  •       Entretanto, lembra-te de Jesus e não te detenhas!!!
  •       Vives a tua hora de beleza, qual se respirasses
  •       num dia maravilhoso de regozijo e esperança, mas,
  •       não te esqueças de que milhões de almas choram,
  •       anonimas, no agoniado nevoeiro do sofrimento.

  •       São criancinhas esfomeadas, mães desfalecentes,
  •       que a dor aprisiona em garras mortíferas,
  •       enfermos cansados de abandono
  •       e velhinhos torturados pela sede de afeto, a soluçarem de frio!!!

  •       Pela memória do Celeste Renovador, que dizes amar,
  •       desce do trono doméstico para o vale dos que vagueiam sem rumo,
  •       e estende-lhes mãos amigas.

  •       Deixa que o anjo da caridade te guie os passos
  •       e oferece algo de tua mesa e de tua fé aos filhos da aflição
  •       e sentirás que o orvalho de tua alegria será precioso bálsamo,
  •       sobre as lágrimas que encharcam os corações perdidos no infortúnio...

  •       Recorda que o Divino Soberano escolheu a noite
  •       para clima Revelador de sua grandeza...

  •       Desce, pois, com a tua lâmpada, à sombra de quantos se debatem
  •       entre as chagas da ignorância e da miséria, e,
  •       ajudando os que padecem, estarás, junto d'Ele,
  •       a exaltar-Lhe a mensagem de Amor e Luz..
  •  


      

publicado por SISTER às 07:39
tags:

15
Out 08

                  ... - Quando ví o homem que odiava, atacado de loucura, descobrí o caminho do amor...

                  

                  O orientador que explicava as lições de Jesus, falou, rematando:

                  

                  " Quando ví o homem do que odiava atacado de loucura, descobrí o caminho do amor. Observando as criaturas vingativas, carregando as pesadas cadeias do ressentimento, achei a leveza do perdão.

                  

                  Anotando os espíritos invejosos no suplício da insatisfação, alentado por eles mesmos, aprendí a contentar-me com o que tenho para fazer o melhor de mim.

                  

                  E quando analisei as tribulações que explodem na senda de quantos se aliam à maldade, compreendí que devo procurar a paz e a felicidade na estrada dos bons...

                  

                  " Instrutor -  aparteou um aprendiz, aproveitando a pausa mais longa do sábio comentarista  -  quer dizer Jesus...

                  

                  E o orientador concluiu:

                  

                  "Quando Jesus nos recomendou a oração por todos aqueles que nos perseguem e caluniam, não apenas nos induzia à bondade, mas também nos convidava à gratidão pelo amparo indireto desses professores diferentes aos quais nem sempre sabemos agradecer".

publicado por SISTER às 07:55
tags:

13
Set 08

Iluminemos o coração, com a lâmpada acesa do amor, cada vez que a nossa palavra se dirija aos irmãos desencarnados, ainda presos à turvação de consciência.

      

      Lembremo-nos de que nos achamos, à frente de enfermos, requisitando-nos compreensão e carinho.

      

      Quem se atreveria, em nome da bondade, a cercar um náufrago desditoso com o manto opressivo da curiosidade descaridosa, ao invés de oferecer-lhe pronto socorro? Não lhe bastaria o tormento da inquietação nas ondas escuras da morte?

      

      Quem se dispõe ao amparo dos espíritos amargurados, em desânimo e desespero, precisará erguer a própria alma à sublimidade do amor mais puro, a fim de socorrer com proveito.

      

      Muitas vezes, as objurgatórias e reprimendas dos grandes juízes não conseguem, junto dos irmãos transviados, um centímetro de renovação edificante, suscetível de ser alcançada pelo estímulo carinhoso de uma simples frase paternal.

      

      Todos possuímos desafetos do passado.

      

      A Terra ainda não é residência das almas quitadas com a Lei.

      

      Todos somos devedores ou doentes em reajuste.

      

      Por isso mesmo, em nos comunicando com os adversários ou companheiros do pretérito ou do presente, mergulhemos a alma na fonte cristalina da boa vontade com Jesus, para que as nossas palavras não soem debalde.

      

      Só o amor atravessa as paredes compactas do cárcere em que a ignorância se aguilhoa à penúria de espírito, conduzindo aos antros sombrios de nossos débitos a santificante claridade da libertação.


      

publicado por SISTER às 11:44
tags:

23
Ago 08

Desafetos costumam surgir, contudo, cada coração verdadeiramente amigo vale muito mais que a multidão dos adversários.

Cada lágrima que se verte ou que se vê está cercada por milhões de sorrisos.

Em determinadas ocasiões, crises e conflitos explodem no caminho, porém, as horas de tranqüilidade e esperança, regozijo e beleza são inumeráveis no curso de cada existência.

Deus criou todas as instalações e vantagens, suportes e benefícios que sustentam a vida e garantem o equilíbrio do mundo, mas há sempre, em nosso próprio favor, algum serviço que nos compete fazer.

Seja onde for ou diante de quem for, compadece-te.

Dispõe-te a compreender, a fim de que possas auxiliar.

Ofereçamos o coração ao Divino Cultivador que é Jesus.

Deus é a sabedoria, entretanto, guardas a possibilidade de construir a frase renovadora em auxílio aos irmãos em desespero.

Deus é o amor infinito, no entanto, aqui e além, hoje e sempre podes ser a migalha.

Auxilia como puderes.

O Céu saberá usar-te.

Organiza as tuas prateleiras de bondade e serve esperança e coragem aos que te busquem apoio.

Onde te encontres e como te encontres, recorda que Deus conta contigo, tanto quanto contas com Deus.

 

publicado por SISTER às 07:25
tags:

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


subscrever feeds
tags

todas as tags

tradutor
Música
mais sobre mim
pesquisar
 
Sister online
Selo

blogs SAPO