Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

21
Nov 10

Sede assim - qualquer coisa
serena, isenta, fiel.

Flor que se cumpre,
sem pergunta.

Onda que se esforça,
por exercício desinteressado.

Lua que envolve igualmente
os noivos abraçados
e os soldados já frios.

Também como este ar da noite:
sussurrante de silêncios,
cheio de nascimentos e pétalas.

Igual à pedra detida,
sustentando seu demorado destino.
E à nuvem, leve e bela,
vivendo de nunca chegar a ser.

À cigarra, queimando-se em música,
ao camelo que mastiga sua longa solidão,
ao pássaro que procura o fim do mundo,
ao boi que vai com inocência para a morte.

Sede assim qualquer coisa
serena, isenta, fiel.

Não como o resto dos homens.

Boa semana.

publicado por SISTER às 14:33

Ou se tem chuva, ou se tem sol

Ou se tem sol e não se tem chuva!

Ou se coloca a luva e não se põe o anel

Ou se põe o anel e não coloca a luva!

Quem sobe nos ares não fica no chão,

Quem fica no chão não sobe nos ares.

É uma grande pena que não posso

Estar ao mesmo tempo nos dois lugares!

Ou guardo dinheiro e não compro doce,

Ou compro doce e gasto o dinheiro.

Ou isto ou aquilo... Ou isto ou aquilo...

E vivo escolhendo o dia inteiro



publicado por SISTER às 14:28

11
Jun 10

Tenho fases, como a lua,
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e que vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.

E roda a melancolia
seu interminável fuso!

Não me encontro com ninguém
(tenho fases, como a lua...).
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,

o outro desapareceu...

publicado por SISTER às 10:33

21
Mai 10

Uma palavra caída

das montanhas dos instantes

desmancha todos os mares

e une as terras mais distantes.



publicado por SISTER às 15:02

12
Mar 10

     Sede assim - qualquer coisa
      serena, isenta, fiel.

      Flor que se cumpre,
      sem pergunta.

      Onda que se esforça,
      por exercício desinteressado.

      Lua que envolve igualmente
      os noivos abraçados
      e os soldados já frios.

      Também como este ar da noite:
      sussurrante de silêncios,
      cheio de nascimentos e pétalas.

      Igual à pedra detida,
      sustentando seu demorado destino.
      E à nuvem, leve e bela,
      vivendo de nunca chegar a ser.

      À cigarra, queimando-se em música,
      ao camelo que mastiga sua longa solidão,
      ao pássaro que procura o fim do mundo,
      ao boi que vai com inocência para a morte.

      Sede assim qualquer coisa
      serena, isenta, fiel.

      Não como o resto dos homens.


   

publicado por SISTER às 13:13

11
Mar 10

     Ou se tem chuva, ou se tem sol

      Ou se tem sol e não se tem chuva!

      Ou se coloca a luva e não se põe o anel

      Ou se põe o anel e não coloca a luva!

      Quem sobe nos ares não fica no chão,

      Quem fica no chão não sobe nos ares.

      É uma grande pena que não posso

      Estar ao mesmo tempo nos dois lugares!

      Ou guardo dinheiro e não compro doce,

      Ou compro doce e gasto o dinheiro.

      Ou isto ou aquilo... Ou isto ou aquilo...

      E vivo escolhendo o dia inteiro


                                           
 

publicado por SISTER às 19:21

11
Fev 10

Sede assim - qualquer coisa
      serena, isenta, fiel.

      Flor que se cumpre,
      sem pergunta.

      Onda que se esforça,
      por exercício desinteressado.

      Lua que envolve igualmente
      os noivos abraçados
      e os soldados já frios.

      Também como este ar da noite:
      sussurrante de silêncios,
      cheio de nascimentos e pétalas.

      Igual à pedra detida,
      sustentando seu demorado destino.
      E à nuvem, leve e bela,
      vivendo de nunca chegar a ser.

      À cigarra, queimando-se em música,
      ao camelo que mastiga sua longa solidão,
      ao pássaro que procura o fim do mundo,
      ao boi que vai com inocência para a morte.

      Sede assim qualquer coisa
      serena, isenta, fiel.

      Não como o resto dos homens.

publicado por SISTER às 08:22

30
Mar 09

      As palavras estão muito ditas

      e o mundo muito pensado.

      Fico ao teu lado.


      Não me digas que há futuro

      nem passado.

      Deixa o presente - claro muro

      sem coisas escritas.


      Deixa o presente. Não fales,

      Não me expliques o presente,

      pois é tudo demasiado.


      Em águas de eternamente,

      o cometa dos meus males

      afunda, desarvorado.

publicado por SISTER às 08:12

12
Out 08

Ou se tem chuva e não se tem sol
ou se tem sol e não se tem chuva!



Ou se calça a luva e não se põe o anel,
ou se põe o anel e não se calça a luva!



Quem sobe nos ares não fica no chão,
quem fica no chão não sobe nos ares.



É uma grande pena que não se possa
estar ao mesmo tempo nos dois lugares!



Ou guardo o dinheiro e não compro o doce,
ou compro o doce e gasto o dinheiro.



Ou isto ou aquilo: ou isto ou aquilo...
e vivo escolhendo o dia inteiro!



Não sei se brinco, não sei se estudo,
se saio correndo ou fico tranqüilo.



Mal não consegui entender ainda
qual é o melhor: se é isto ou aqui
lo.



 

publicado por SISTER às 09:27

10
Set 08

Quando o sol ia acabando

e as águas mal se moviam

tudo que era meu chorava

da mesma melancolia.

Outras lágrimas nasceram

com o nascimento do dia:

só de noite esteve seco

meu rosto sem alegria.

(Talvez o sol que acabara

e as águas que se perdiam

transportassem minha sombra

para a sua companhia...)

Oh! mas nem no sol nem nas águas

os teus olhos a veriam...

- que andam longe, irmãos da lua,

muito clara e muito fria...


 

 

publicado por SISTER às 10:31

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


tags

todas as tags

tradutor
Música
mais sobre mim
pesquisar
 
Sister online
Selo

blogs SAPO