Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

05
Abr 11

Gosto da chuva mansa caindo lá fora,
Provocando tão ternas lembranças...
Tirando meus pés do hoje... do agora...
Contando tantas histórias e andanças.

Ora, meus olhos ficam dela molhados...
Outras, provoca um sorriso orvalhado.
É tão doce sua sinfonia nos telhados...
Que o coração vibra descompassado.

O passado não passou... não passa...
Tudo que foi belo jamais se acaba!
O peito saudoso descompassa...
E uma tempestade nos olhos desaba.

Chove chuva... na tua beleza infinita...
Que tuas gotas são pérolas benditas.
Reconstruindo trechos desta vida...
Com tantos rostos e gratas visitas.

Gosto da chuva mansa e teimosa,
Caindo como silentes lágrimas...
Regando a terra fértil e generosa,
Lavando sentimentos e almas!

Gosto da chuva mansa caindo lá fora...
Ressuscitando tantos sonhos de outrora,
Cores que o tempo cruel não descora...
Que levarei em meu peito mundo afora!

Sei que a chuva vem e vai embora...
Junto com ela... alguém sempre chora.
Depois disso, sempre há uma melhora...
Alguém... dela... sempre se enamora!...

publicado por SISTER às 13:40

Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30


tags

todas as tags

tradutor
Música
mais sobre mim
pesquisar
 
Sister online
Selo

blogs SAPO