Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

20
Mai 07

Ser romântico é acordar cedinho,
bendizer o ar fresco da manhã.
É valorizar o próprio cantinho,
sentir o passo leve no caminho,
consciência reta, mente sã.
 
É ser gentil em casa ou fora dela,
é constante esforço por um clima
de serenidade e respeito.
É em tudo perceber a parte bela,
é exaltar a qualidade, não o defeito.
 
É ouvir o comentário desairoso,
e sem alarde, de mansinho,
introduzir o pensamento harmonioso,
reconhecendo as próprias falhas,
o próprio desalinho.
 
Ser romântico é amar sempre.
Até mais intensamente,
embora a aparência moderada.
É trazer o interior contente
pela atitude equilibrada.
 
Ser romântico é enternecer-se.
Pelo passo lento dos velhinhos,
pelo falar afoito das crianças.
No afago dispensado ao animalzinho,
pela saudosa e velha lembrança.
 
Ser romântico...
 
É ainda querer rodar o pião,
não mais soltar balão,
empinar pipa,
galgar a árvore,
juntar figurinha;
andar de pé no chão,
guardar a letra da canção,
decorar a quadrinha...
 
É gostar do apito do trem,
do ranger da velha porteira,
do capim viçoso.
Da serra florada,
da nuvem isolada,
do recanto mimoso.
 
Mas é gostar também...
 
Do leito seco do rio,
do vento cortante e frio,
da árvore morta.
Da noite escura
e do seu negro véu;
da folha que rola caída,
do deserto quase sem vida,
do raio que corta o céu...
 
Ser romântico é cantar a flor que desabrocha
e não esquecer da murcha
que já enfeitou o caminho.
É trazer a boca que não debocha,
um coração que não reprocha,
é ofertar somente carinho.
 
Romântico, enfim...

      
LUAN JESSAN
publicado por SISTER às 09:12

Maio 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





tags

todas as tags

tradutor
Música
mais sobre mim
pesquisar
 
Sister online
Selo

blogs SAPO