Bem Vindos O que os homens chamam de amizade nada mais é do que uma aliança, uma conciliação de interesses recíprocos, uma troca de favores. Na realidade, é um sistema comercial, no qual o amor de si mesmo espera recolher alguma vantagem. La Ro

28
Set 10

Muitas pessoas estabelecem objetivos de vida, que passam a ser buscados com intensa determinação.



Limitam seus interesses na conquista de seus sonhos e quando os alcançam nem sempre encontram neles o sentido e o significado que esperavam.



A meta, que por tanto tempo representou a razão de viver, cede lugar ao tédio, empurrando os seres para os abismos da depressão ou dos vícios.



Por vezes, são pais que colocam na vida dos filhos os próprios sonhos.



Projetam no futuro de seus rebentos os desejos que eles próprios não puderam realizar.



No entanto, os filhos crescem e devem enfrentar as próprias lutas e dar curso às próprias vidas.



Por vezes a constatação dessa verdade causa nos pais, mais despreparados, amarga aflição.



Outros, ainda, anseiam por alcançar um patamar elevado na carreira para amealhar, assim, consideráveis recursos financeiros.



Porém, quando seus objetivos se realizam, sentem-se desestimulados.



Há aqueles que se esforçam para ter fama e destaque na sociedade e que, quando os alcançam, amargurados e vazios, entregam-se às drogas e aos abusos do sexo.



Inquietação e desequilíbrio costumam servir de base na busca por objetivos imediatos de prazer e de satisfação.



Tais metas são frutos do egoísmo que ainda move os seres, e quando alcançadas produzem tão-somente rápida e passageira satisfação.



Em pouco tempo a antiga e conhecida sensação de aborrecimento e de vazio volta a exercer forte influência no cotidiano.



Como se todo o esforço tivesse sido vão.



Como se toda a luta não tivesse valido a pena.



Nos lábios, a impressão de que alguma palavra ficou faltando.



Na boca, a permanente sensação de sede.



É a fome de realização plena.



É uma sensação de que, em sonho, tudo era mais belo e satisfatório.



É o tédio, terrível flagelo que consome existências.



Silencioso e ardiloso, penetra suavemente no comportamento, instalando-se na mente e no sentimento, depauperando e dominando os indivíduos.





Quando te percebas a um passo do tédio, assume nova postura e busca uma atividade que te preencha o tempo físico e mental de forma útil.



Nunca te consideres impossibilitado de trabalhar, de agir no bem e de produzir.



Considera o esforço dos artistas sem braços, sem pernas, que se revelaram excelentes pintores, escultores, desenhistas, ricos de inspiração e de alegria de viver.



Reflete sobre a vida de outros deficientes que se transformaram em mensageiros da renovação interior, tornando-se membros indispensáveis da economia moral e social no mundo.



O esforço que lhes foi exigido não lhes concedeu tempo para qualquer forma de tédio ou de desinteresse, entregando-se à lamentação ou ao desencanto.



Não cesses de edificar, nem te permitas contemplar a retaguarda do já feito.



Examina a perspectiva do quanto ainda necessitas realizar.



Aspira à conquista do infinito e nunca te sentirás entediado com os logros conseguidos.



Quem se basta com as aquisições meramente materiais ainda não alcançou a real maturidade, nem descobriu as prioritárias metas existenciais.



Aquele que anela pela alegria de viver, não apenas pelo que consiga deter nas mãos, jamais será vítima do tédio, porque estará sempre em ação, sentindo-se útil e pleno.




publicado por SISTER às 13:29

Nada me pertence

sou apenas um passageiro

do tempo, sou assim,

perdido em meus pensamento,

procurando uma razão para sonhar...


O que a vida tem a me oferecer

é o amanhecer de um jardim

que tem paciência de esperar

as flores crescerem...


Que nada, nada é e nem será.

O desperdício toma conta

da ilusão, quando viver

faz parte da obrigação...


Tudo é ilusão

o que existe é o desencontro

da imaginação.

Já encontrei tudo pronto

e só tenho para caminhar o chão,

que me deixou sem direção...



publicado por SISTER às 13:28

A cura total

Em uma ação geral

Podemos dizer aquí e agora

Vem de dentro para fora


Necessário melhorar a alma

Com meditação e muita calma

Remédios em geral são paliativos

Não harmonizam os plexos ativos


Toda ação medicamentosa

Por via oral ou via porosa

Remédio ou injeção

Aliviam...mas não é a solução


Como também aliopátivos

Homeopáticos, fitoterapicos

Vão na mesma direção

Aliviam, mas continuamos com mesma questão


Eu fico com a cura pela oração

Aliada pela imposição da mão

Vamos ouvir o Homem de Nazaré

E usarmos da nossa própria fé


Aqueles que não querem melhorar pela amor

Infelizmente, terão que passar pela dor

Porque toda enfermidade

Depende da nossa vontade


É necessário reformular

E lá dentro mudar

Pois, o nosso maior alimento

Vem do nosso pensamento


publicado por SISTER às 13:27

Instiga-me este amor que

quer permitir total realização

dos meus desejos.

Instiga-me este amor

A que eu avance sobre a

Vontade alheia, sem saber

Se é receptivo ou mesmo

Reprimido.

Como uma tara, vou cobrindo

Planícies e relevos do teu corpo

Em busca do prazer...

Vendaval de desejos

Incontroláveis, arriscando-me

Na vereda de uma paixão...

Instável e perigosa;

Onde vivemos na expectativa

De uma centelha,

Que a qualquer momento

Explodirá, trazendo devastadora

Carência e ardor, que certamente

Desencadeará no frisson do nosso amor.

publicado por SISTER às 13:25

ELA É O RESERVATÓRIO DE SUAS CAPACIDADES. REPRESENTA  O QUE DE MAIS PRECIOSO EXISTE EM VOCÊ.  BEM USADA, ELEVA-O AS ALTURAS. MAL UTILIZADA, REBAIXA-O AO PÂNTANO.

NÃO EXERCITE APENAS NA PROCURA DO GANHO, DA SUBSISTÊNCIA, MAS, SOBRETUDO, PARA SER SUA LUZ, SEU GUIA. NELA VOCÊ ENCONTRA RESPOSTAS PRECISAS, PORQUE DEUS ALI ESTÁ. DIRIJA-A PELA VIA MAIS ACERTADA. ACREDITE NO PODER QUE TEM.  

A MENTE DISPOSTA AO BEM, CONDUZ AO ESPLENDOR.  

publicado por SISTER às 13:24

Duas pessoas a sonhar...

dois sonhos a interpretar...

Para os sonhos combinar,

teriam que se acertar...

Serão sonhos

risonhos?

Serão iguais os sonhos?

Não se sabe para onde vão..

Duas pessoas... dois sonhos...

como saber...

com o que sonha o coração...

por vezes, falta combinação,

ou então comunicação...

Espera-se uma adivinhação...

Como entender o que se passa

no íntimo de cada qual?

Para os sonhos realizar,

tem que se comunicar...

falar... declarar...

convidar para juntos sonhar...

Ou então... simplesmente sonhar...

E é tão bom sonhar... devanear...

Da realidade fugir...

escolher onde ir...

publicado por SISTER às 13:23

Deus, mesmo sendo invisível aos nossos olhos; deixa-nos sinais em todos os lugares...  na manhã que nasce calma, no dia que transcorre com o calor do sol ou com a chuva que molha a relva...

Ele deixa sinais quando alguém se lembra de você,
quando alguém te considera importante...
quando alguém lembra de te enviar um e-mail
e diz a você o que de melhor poderia dizer.

Jesus te ama!

Jesus te ama!

publicado por SISTER às 13:21

Ando pela cidade
vejo tantos rostos
num vai e vem...
me perco em
pensamentos...
sentimentos...
confusos...
Eu aqui...você aí...
E a solidão
invade meu coração...
fecho os olhos,
vejo você
chegando,
me amando,
não mais me deixando
perdida
entre rostos
que não o teu...

publicado por SISTER às 13:21

não olhes os meus retratos
julgando saber-me assim.
Se queres saber quem sou
não busque nas minhas respostas
quando perguntas onde vou.
Se queres saber quem é
esta que te sorri
não olhe para a mulher.
Que não me saberás pelo sorriso,
não me conhecerás pelas respostas,
meus retratos são imprecisos,
a cada dia traço novas rotas.
Se queres porventura, um dia,
entender deste coração,
olhe meus olhos primeiro:
é neles que mora a poesia
que me explica dia após dia
e me mostra por inteiro.
Se queres saber-me de fato,
recomendo-te menos cuidado,
muito carinho, pouca fala,
mais riso e tato, muito tato.


publicado por SISTER às 13:17

Quero hoje, um dia somente
Não quero acúmulo, glórias
Uma alegria simples, suave
Calma, dosagem, só o amor
Olhar como prêmio ameno
Um verdadeiro olhar, um...
Quero distância das explosões
Alegrias falsas, do vício fácil
Contaminando corpo e a alma
Quero mãos, toques cúmplices
Carinho, ternura, sonho e paz
Quero somente o dia de hoje
O amanhã tem tempo, eu espero

publicado por SISTER às 13:16

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23

26
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
tradutor
Música
mais sobre mim
pesquisar
 
Sister online
Selo

blogs SAPO